Uma entrevista: para que serve contar histórias para as crianças

 

 

Chapeuzinho Vermelho

 

Reli este post por conta de um comentário recente e resolvi reavivá-lo. O original é de outubro de 2010, mas ele continua fresco como um pãozinho saído do forno.

 

 

Mulher-Esqueleto

Íntegra da entrevista concedida em 27  de outubro a Michelle Barreto, para uma newsletter da Fundação Social Itaú

Quais são os benefícios da contação de histórias para a vida das crianças?

O maior benefício de todos é uma alma “bem feita”, o que envolve autoconhecimento,  emoções bem cultivadas e uma imaginação rica, capaz de interferir na realidade para transformá-la de um jeito criativo. Outra coisa é a percepção de que a abordagem objetiva e lógica não dá conta da realidade. Há uma dimensão do real que só pode ser apreendida e vivenciada por meio da linguagem simbólica: as narrativas de fantasia, as imagens, as metáforas, a arte e sua diversidade, as tradições da cultura, a literatura, as religiões (não as instituições religiosas, mas nossa experiência espiritual genuína e profunda), o cinema…  

– Em que áreas do conhecimento as contações de histórias podem impactar positivamente no aprendizado de crianças?

Em todas…

Ver o post original 2.186 mais palavras

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: